Nilton rebate denúncias contra Jeferson e atribui a vereadores sem serviços prestados

A declaração foi dada em entrevista à Rádio Metrópole, nesta segunda-feira (16).

Nilton rebate denúncias contra Jeferson que atribui a vereadores sem serviços prestados- Imagem: Rádio Metrópole.

O deputado estadual, Nilton Bastos (PP), disse que a cidade de  “Madre de Deus se desenvolve além do padrão, da média do Estado da Bahia” e que “na medida que têm mais receita” se investe estrutura e serviços que dificultam a gestão. A declaração foi dada em entrevista à Rádio Metrópole, nesta segunda-feira (16) após um ouvinte mencionar que o Ministério Público da Bahia apontou que existe uma quadrilha instalada na cidade. O parlamentar defendeu o prefeito Jeferson Andrade (PP) que é investigado por improbidade administrativa ao justificar que existe uma diferença entre relatos de fora e o que acontece na cidade.

Ele acrescenta que a cidade tem “100% de cobertura em educação integral” e “cobertura de saúde”. Em seguida, parabenizou o prefeito Jeferson pelo que chamou de “ótimo trabalho”.

Nilton descreveu as denúncias como “irresponsáveis” feita por “vereadores que não tem serviços prestados” na cidade.  As declarações do ex-secretário municipal de governo atingem em cheio os vereadores de oposição que na semana passada organizarem protestos para pedir celeridade nos processos que envolvem o prefeito Jeferson.

Na última sessão na Câmara Municipal, parlamentares de oposição fizeram duras críticas ao mandatário.

Segundo o parlamentar Juscelino Silva (PPS) o MP pediu três vezes o afastamento do gestor. Ele acrescenta que a prefeitura é alvo de uma investigação da Operação Adsumus da Polícia Federal envolvendo contratos de empresas. Val Peças (PSL) também acusou a administração municipal de roubo, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro. Para ele, a cidade tem a administração mais corrupta dos últimos 30 anos. Quando ainda era secretário,  Val chegou  chamar Bastos de “funcionário fantasma”. Na ocasião, o parlamentar ressaltou que “não existia secretário de governo no município”.

Leia mais :

Secretário que recebe R$ 14,2 mil ‘sem trabalhar’ deve se afastar do cargo para disputar eleições
Val chama Nilton de ‘fantasma’ e diz que Tel ‘foi propaganda enganosa’ em Madre de Deus
Oposição chama Jeferson de “mentiroso” e acusa Nilton de envolvimento em esquema na creche

No ano passado, três vereadores de oposição fizeram duras críticas ao deputado antes da eleição. Num carro de som, eles precorreram a cidade e apontaram denúncias contra a administração municipal. Na ocasião, o vereador Kikito Tourinho (PPS), afirmou que  Nilton “tirou muito, levou muito de todos nós de forma covarde e levou toda nossa riqueza pra fora”. Ele também acusou o então candidato de comprar “mais de 300 municípios”  porque era “candidato a deputado” ,enquanto o município sofre pela falta de serviços. (Relembre aqui)