Jodiane faz alerta para sucateamento do serviço 24 horas: ‘não pode deixar morrer’

A declaração foi realizada na Câmara de Madre de Deus na terça-feira (21).

Jodiane faz alerta para sucateamento do serviço 24 horas: ‘não pode deixar morrer’ -Foto: Divulgação/ Câmara Municipal.

A vereadora Jodiane Alves (PTB) afirmou durante a sessão de terça-feira (21) na Câmara Municipal que percebeu um sucateamento do serviço 24 horas que faz o transporte de pacientes para unidades de saúde em Madre de Deus.

A parlamentar aponta que não faz referência aos funcionários que fazem o que podem e o que não podem para prestar atendimento para população.

Discorrendo em seguida sobre a dificuldade dos colaboradores para executar o serviço  com um único veículo.

Ela lembra que vários prefeitos garantiram a permanência do serviço.

A petebista questiona que não sabe responder quantos carros estão disponíveis no atendimento 24 horas.

“Porque parece até que deixa o carro sem plotar pra que a gente esqueça que esse serviço existiu no munícipio. Porque antes quando a gente via dois carro plotados, três, a gente lembrava. Agora, parecendo assim que quer que esqueça”, lamentou.

Jodiane afirma que não vai dixar o munícipio perder um serviço que presta atedimento a população há muito tempo. A vereadora classifica o 24 horas como serviço de excelência e destaca o esfoço feito por funcionários.

“Uma pessoa ligou pra mim, pra eu ligar pro 24 horas porque estava sem crédito pra pedir o socorro”, disse. A parlamentar sugeriu que seja implantado um número 0800 e conta que ouviu o reltado de uma moradora solicitando o serviço para o pai que acabou recebendo o socorro do vizinho.

“O que ela [moradora] alega é que telefone [do 24 horas] chamava e não atendia”, diz. E completa: “A gente não pode deixar um setor como esse de suma importância, de suma responsabilidade pro nosso município morrer”, disse.

Ela afirma ainda que os serviços da prefeitura precisam estar atuando corretamente neste périodo de festa.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*