Em vídeo, Ralison rebate Nem do Caipe: “De 100 pessoas, 80 não aprovam essa gestão”

Ele elenca os problemas provocados pela gestão e descreve Evandro como ‘pior o prefeito do Brasil’.

Em vídeo, Ralison rebate Nem do Caipe: “De 100 pessoas, 80 não aprovam essa gestão”-Imagens reprodução redes sociais.

A pré-candidata à prefeita de São Francisco do Conde, Ralison Valentim (DEM) compartilhou um vídeo nas redes sociais com uma mensagem direcionada ao vice-prefeito, Nem do Caipe (PT), que segundo ela, teria afirmando que “no município não existe oposição”.

Em resposta, ela se apresenta simbolicamente ao vice-prefeito como pré-candidata à prefeita do município pela oposição. Em seguida, Ralison destaca que o governo do prefeito Evandro Almeida (PP) “ao longo de 6 anos tem destruindo” a cidade.

A pré-candidata pede que os agentes políticos “não subestimem 80% da população” que de acordo com ela, é contra a gestão.

“Não é Ralison Valentim apenas que é oposição a essa gestão não, é 80% da população de São Francisco do Conde que têm sofrido na pele os descasos e os desmandos dessa gestão ruim, que tem tirado do nosso povo toda possibilidade de crescimento”, disse.

Ela elenca os problemas provocados pela gestão e descreve Evandro como ‘pior o prefeito do Brasil’.

“Diminuiu o valor do Bolsa Aluguel, não reajustou em momento algum o valor do PAS, pelo contrário diminuiu, além de diminuir tem atrasado, acabou com nossa tradição do São João, acabou com nossa história -quando destrói nosso 7 de setembro, acabou a possibilidade de nossos alunos terem aquele incentivo que é o educa chico, atrasa o valor do Pas Mais, acabando com o nosso comércio. Tem subestimando muito a inteligência do nosso povo”, asseverou.

Ainda conforme Ralison, o prefeito vai apoiar um candidato que é secretário de obras, mas ao longo de 6 anos não houve obras no município. A declaração faz referência ao pré-candidato Antônio Calmon (sem partido) que foi escolhido pelo grupo político liderado por  Evandro.

Para ela, obras significam geração de emprego, mas é ‘uma das coisas que não existem aqui no município’ e dispara: “Aqui o nosso povo não está tendo direito a nada”.

Ralison enfatiza ainda que apoiar o candidato do prefeito representa a continuidade da gestão.

“Significa simplesmente, continuar toda essa tragédia que hoje se encontra em nosso município que é rico, mas às vezes eu tenho a impressão que se trata de uma cidade pobre do interior do sertão porque nada de bom e de verdadeira relevância pra nosso povo tem acontecido em nossa cidade”, lamenta.

Por fim, ela ressalta que “chega” e reafirma sua pré-candidatura à prefeita da cidade pela oposição, pontuando que o grupo “é forte” e “tem coragem porque não se vende” e a parece como opção para população.

Veja vídeo abaixo: