Após denúncia, Petrobras nega vazamento que causou mau cheiro em São Francisco do Conde

Petrobras informou que opera de forma normal na Refinaria.

Refinaria Landulpho Alves (RLAM) (Foto: Reprodução Internet)

Após denúncia de moradores, a Petrobras afirmou que não houve vazamento de produtos químicos na Refinaria Landulpho Alves, que fica situada em São Francisco do Conde, na região metropolitana de Salvador, segundo nota enviada ao Bahia Manchetes nesta quarta-feira (21).

+Moradores de São Francisco do Conde reclamam de mau cheiro causado por refinaria

De acordo com a empresa, a Refinaria Landulpho Alves (RLAM), na Bahia, está operando sem anormalidades. Não há registro de danos ambientais e impacto na saúde do trabalhador e de moradores em comunidades vizinhas, informa a Petrobras.

“A operação na RLAM atende a todas as normas de segurança previstas em legislação e aos rígidos padrões internos de segurança da empresa”, acrescenta a nota.

A Petrobras negou os rumores de emissão de gases tóxicos liberados pela RLAM, enfatizando que tem compromisso com a segurança dos colaboradores, da população do seu entorno e do meio ambiente.

Confira a nota na integra:

A Petrobras informa que a Refinaria Landulpho Alves (RLAM), na Bahia, opera de forma normal. A companhia ressalta que a operação na RLAM atende a todas as normas de segurança previstas em legislação e aos rígidos padrões internos de segurança da empresa. A Petrobras reitera seu compromisso com a segurança dos trabalhadores, das comunidades do seu entorno e do meio ambiente.