Vereador acusa administração municipal de roubo, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro: “Vergonha”

Segundo Val Peças, todos sabem que a atual administração pública é mais "corrupta" dos últimos 30 anos.

(Foto:Reprodução) Centro Administrativo de Madre de Deus.

“Madre de Deus, hoje tem a a administração mais corrupta dentro de 30 anos, é essa administração! Ele sabe que é verdade, todos sabem que é verdade. Vocês, vossas excelências sabem que é verdade que é a mais corrupta! A ex-prefeita foi cassada, Nita, foi cassada, por suposto crime eleitoral- compra de voto, mas o que está acontecendo na atual administração: roubo, lavagem de dinheiro, quadrilha. Isso é feio pra Madre de Deus senhores”, acusou o vereador Val Peças (PSL)  no plenário da Câmara de Madre de Deus, durante a sessão desta terça-feira (10). Ele afirma ainda que “teria vergonha em estar numa administração dessa”.

Segundo ele, o presidente da Câmara, Paulinho de Nalva (PRB) declarou um patrimônio durante a última eleição de R$ 1,7 milhão e questiona que o valor foi superior ao declarado pelo prefeito Jeferson Andrade (DEM).

“Jeferson mora num apartamento que é mais de 2 milhões de reais, será que tá no nome dele? O Ministério Público pede a penhora dos bens dele. Será que vai encontrar algo no nome dele?”, questiona.

O parlamentar fez um alerta para aliados na Câmara tomarem cuidado ao assinar documentos encaminhados pela administração municipal.

“Tenham muito cuidado porque vocês podem muitas das vezes está pisando em casca de banana. Esse projeto de Lei de Governança Paulinho de Nalva, vocês votaram porque quiseram, nós avisamos. Foi tanto, que na sessão ordinária, saímos pra não dar coro e no mesmo dia foi feito uma extraordinária 18h pra votar. Nós pedimos para não votar e alertamos”, lembrou Val.     

De acordo com o vereador, secretários ganham R$ 14,2 mil com direito a motorista e combustível, mas pacientes que precisam fazer exame fora do município não tem direito ao carro.

“Os paciente que precisam fazer exames de alta complexidade fora da cidade, não tem mais carro, tiraram os carros e deixam para os secretários que têm condições de ter até um carro blindado, como andam de carro blindado, e tiram do povo, o quê é isso?”, interpelou.

Para Val, o prefeito começou errado e vai terminar errado, disse ainda, que muitos políticos do país que se achavam intocáveis foram presos. Ele acresenta que os vereadores mudaram a lei de governança municipal e responsabiliza os que votaram a favor.

“Quando uma mãe chega na minha porta pedindo ovo e calabresa, que ganhava 300 reais que hoje ganha 150. E aí acha que só o prefeito foi culpado, não! Essa Casa foi culpada porque votaram”, sentenciou.