Quinto dia de Carnaval de Madre de Deus teve bloco infantil, open bar e camarote que agitou o circuito

As fantasias tomaram conta da cidade durante a semana em Madre de Deus.

Bloco “Madre Samba” parou por cerca de 10 minutos foto Bahia Manchetes

O carnaval começou oficialmente em Madre de Deus na quinta-feira (28) com a abertura da folia comandada por Bailinho de Quinta que arrastou foliões pela Rua Francisco Leitão. As fantasias tomaram conta da cidade durante a semana. Há opções para quem quer ser um super-herói, pirata, gogo boy e para os tradicionais mascarados (caretas), em um festa de muitas cores e de muita alegria. Os “Flechas de Ouro” carregam a tradição por quase 20 anos, cerca de 100 homens saem em fila indiana e percorrem várias ruas da cidade animando adultos e principalmente crianças.

Há opção para o folião mirim foi o bloco “Criança Esperança” que animou os pequenos na segunda-feira (4) . Os pais trocaram um quilo de alimento pelo abadá. O alimento arrecadado será doado pelo idealizador bloco, vereador Juscelino Silva.

Ainda na  segunda o “Madre Samba” que tem um diferencial como único bloco open bar  do município, arrastou foliões até o centro da cidade.  A festa no bloco foi interrompida por alguns minutos. O responsável pelo “Madre Samba” sinalizou que o prefeito Jeferson Andrade segurou o bloco no circuito por causa de uma banda que se apresentava em um dos palcos. Depois disso, os foliões vaiaram o prefeito. Em seguida, ele pondera agradecendo pelo trio, depois afirma que só queriam passar em paz e não ter prejuízos, justificando que o bloco tem um roteiro, por ser open bar, não poderia ficar parado.  Depois disso, o “Madre Samba” agitou os foliões até a Avenida Rodolfo de Queiroz e a pausa não tirou o brilho do bloco que agitou por todo percurso.

Vinícius agitou o “Camarote Micodhiaul” no domingo e se apresentará nesta terça.

O  “Camarote Micodhiaul” roubou a cena no quesito folia alternativa, passaram pelo palco que mesclou arrocha, axé e partido alto durante os dias de festa. Nesta terça-feira (5) sobem ao palco “Micodhiau”  TanaKara do Samba e Vinícius Moura. No repertório, músicas que embalam o folião durante o percurso. O idealizador do camarote é o músico e vereador Kikito Tourinho que destaca que o camarote “foi uma parte importante na grande festa”. Em um vídeo, o vereador convidou os fólios para participar do último dia de festa.

O camarote fica localizado no meio do percurso, os foliões puderam  curtir os trios e as atrações do “Micodhiaul”.

O  TanaKara também  agitou os foliões  no domingo, homens e mulheres encheram o circuito com chapéus brancos e camisas azuis. No mesmo dia, Vinícius levantou o público do  “Camarote Micodhiaul “ que não tirou os olhos e não para de pular com canções que marcaram época.

TanaKara  agitou os foliões  no domingo e encheu o circuito com chapéus brancos e camisas azuis.