Presos serram grade e fogem da delegacia de Alagoinhas

Nova fuga ocorreu na madrugada de quinta-feira (28). Ninguém foi recapturado.

Onze presos fogem de delegacia de Alagoinhas (Foto: Reprodução)

Treze dias após 11 presos terem usado uma corda para fugir da carceragem da delegacia de Alagoinhas, a cerca de 100 quilômetros de Salvador, a unidade policial teve uma nova fuga na madrugada de quinta-feira (28). Essa foi a sexta fuga em um período de sete meses.

Desta vez, segunda a polícia, quatro presos serraram a grade que fica no teto da cela e que já estava fragilizada por reparos que tinham sido feitos nos últimos meses.

Os fugitivos foram identificados como José Edilton Xavier da Costa Júnior, de 21 anos, Elissandro Conceição dos Santos, de 23, Diego Menezes Conceição, de 28, e Guilherme Santos Soares, de 19.

Até a publicação desta reportagem nenhum deles havia sido recapturado.

Fugas

Onze presos fugiram da carceragem da delegacia de Alagoinhas, cidade a cerca de 120 de Salvador. De acordo com a Polícia Civil, no dia 16 de junho, no momento do banho de sol, os policiais notaram que os cadeados de duas celas estavam quebrados e perceberam uma corda “tereza” nos fundos do prédio. Um dos fugitivos foi recapturado.

Outra fuga ocorreu no dia 13 de maio, quando seis presos fugiram. Ainda segundo a polícia, entre os foragidos deste sábado, está Willsmar Almeida Borges, que estava preso por ser suspeito de roubar e matar o adolescente de 17 anos, Luiz Guilherme Santos Bispo.

A coordenadora da delegacia de Alagoinhas, Lélia David, informou que todas as medidas de polícia judiciária já foram adotadas. Um inquérito já foi instaurado para apurar as circunstâncias da fuga e a perícia já foi feita no local pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Supermercado cunha