Por quase R$ 3 milhões, prefeitura de Madre de Deus contrata 2 empresas para o mesmo serviço, diz vereadora

A vereadora ressalta a disparidade ao citar como exemplo a requalificação do bairro da Quitéria da Velha que foi orçado em R$ 5 milhões.

Câmara de Vereadores de Madre de Deus (Foto: Reprodução)

A vereadora Jodiane Alves (PRB) afirmou durante a sessão desta terça-feira (2) que a prefeitura de Madre de Deus contratou duas empresas para o mesmo serviço. De acordo com a parlamentar, a Construtora Faria Lima Ltda foi contratada pela administração municipal por R$ 254,3 mil para requalificação da Rua Juscelino Kubitschek,  o problema, é que, segundo Jodiane, a Prisa Locação e serviços Ltda-me foi contratada por R$ 2,5 milhões para o mesmo serviço. Ele ironiza os contratos ao afirmar que é “muito amor pela Rua Juscelino Kubitschek”.

Conforme os documentos, apontados pela vereadora,  os dois contratos foram assinados no dia 18 de janeiro. Além disso, ela ressalta o valor superestimado da obra.

“Os moradores da Juscelino merecem, mas ser usado como justificativa para se fazer dois contratos que juntos vai dar quase R$ 3 milhões. Eu aposto, que eles seriam os primeiros a dizer: ‘divida, vumbora fazer um pouco na outra rua'”, diz. E completa: “Eu espero que eu esteja errada, e que apareça uma errata desses contratos”.

Ela descreve em seguida que a contração de duas empresas para executar o mesmo serviço é fazer o povo de “besta”.

“É realmente dizer: ‘vereador, eu posso fazer o que quiser, que a gente não está fiscalizando’. Porque a impressão que dá é essa, e olhe que toda semana a gente tá trazendo [denúncia],  e mesmo assim tá acontecendo essas coisas. Então assim, hoje marquei pra tá falando a vocês, que vai ser duas empresas que vai fazer.Pelo que está aqui no contrato, se eu estiver errada, alguém venha me explicar ou então coloque uma errata lá de um dois contratos”, disse.

A vereadora ressalta a disparidade ao citar como exemplo a requalificação do bairro da Quitéria da Velha que foi orçado em R$ 5 milhões, e que, a prefeitura pretende gastar quase R$ 3 milhões em uma única rua.

Ela também ressaltou que a prefeitura economizou R$ 70 mil para fazer o Madre Music no Estádio, mas contratou uma empresa para cuidar do gramado por R$ 450 mil. Para ela, isso é trocar seis por meia duzia.

“Você deixar de fazer a festa na Área de Lazer porque o valor pra festa é R$ 70 mil, fazer dentro do Estádio, tudo bem pra poupar […] mas depois de dois meses, você fazer um licitação no valor de R$ 450 mil, e no objeto só ter que é pra gramado”, disse.

Ainda de acordo com a vereadora, a prefeitura vai gastar quase R$ 450 mil com o gramado, mas o investimento com a seleção de Madre de Deus será em torno de R$ 120 mil.

Leia mais: Prefeitura vai construir novo trecho de rua Juscelino Kubitschek em Madre de Deus
Rua Juscelino Kubitschek em Madre de Deus (Foto- Bahia Manchetes)