Noronha lança pré-candidatura à prefeito de Madre de Deus e recebe enxurrada de críticas na web: “Oportunista”

Senador e Presidente Estadual do PSD, Otto Alencar, declarou que o empresário “reúne condições de ser um bom prefeito”.

Noronha lança pré-candidatura à prefeito de Madre de Deus e recebe enxurrada de críticas na web: “Oportunista”- Foto: Divulgação Facebook .

O empresário Valdenir Noronha foi oficializado pelo Partido Social Democrático  na última segunda-feira (2) como pré-candidato à prefeito de Madre de Deus, na Região Metropolitana de Salvador.

No vídeo compartilhado na web por aliados , o Senador e Presidente Estadual do PSD, Otto Alencar, declarou que o empresário “reúne condições de ser um bom prefeito”. O Senador elencou  três pontos que são relevantes na visão dele para disputa de Noronha pelo Executivo como “capacidade”, “história” e “compromisso”.

O empresario afirmou, na ocasião, que para ser político é preciso ter “estabilidade financeira”, e que, entrou na política para fazer o melhor para população. Ele declarou ainda que não precisa “viver da política” porque tem “estabilidade financeira”. Apesar das declarações, aliados confirmam em reserva, que o empresário dispõe de espaço político no governo.

Mesmo sem mandato, Noronha participa ativamente dos bastidores da política, mas no vídeo não revelou o que já fez pela população.

As críticas a Noronha surgiram depois que a informação foi divulgada no Facebook por aliados. Com o registro publicado na web, não faltaram questionamentos e até alguns elogios.

Um dos internautas classifica Noronha como “mais um oportunista”. Outro escreveu que o empresário seria “um nome leve”.”Só é mais um que veio comer o dinheiro da cidade”, ironizou outro internauta.

Uma moradora escreveu que conhece Noronha , assim como, 70% dos munícipes, principalmente os menos favorecidos, que segundo ela, muitas vezes recorre ao empresario que nunca negou vender cesta básica a prazo, mesmo que o cliente esteja em débito com ele.

Outra internauta chegou a questionar: “Quem é esse em meu povo? Madre conhece meus amigos alguém conhece?”.

O vereador Juscelino Silva (PPS) disse ao Bahia Manchetes que o empresario, pediu votos para Renato de Martins (PSD) para presidente da Câmara de Madre de Deus. De acordo com Juscelino, se Renato tivesse aparecido no gabinete dele com os ex-prefeitos Edmundo Pitangueira ou Nita de Brito, ele poderia até pensar, no entanto, na época, o edil rechaçou Noronha.

Em seguida, afirmou que o empresário não tem “nenhuma história política no município” para pedir voto para Renato. “Que trabalho social ele tem no município? Porque nunca ofereceu a cesta básica mais barata?”, questionou Juscelino por telefone na tarde deste domingo (8).

O vereador Val Peças (PSL) contou a reportagem por telefone que a parlamentar Jodiane Alves (PRB) quando estava na base governista pediu apoio no requerimento de concessão de Titulo de Cidadão para Noronha, mas recebeu um sonoro não.

De acordo com Val , na ocasião, ele justificou a colega que “Noronha não tem serviços prestados no município” e o descreveu como um “mentiroso”. Ainda conforme Val, antes da  última campanha municipal se intensificar,  Noronha teria pedido para ele se filiar ao Solidariedade, oferecendo apoio político.

Val contou ainda que Noronha foi para Brasília com Dailton Filho (Avante), depois mudou de lado, e levou o prefeito Jeferson Andrade (PP) para tentar tirar o Presidência Municipal do Partido Solidadriedade de Amilton Pereira, mas não obteve sucesso. Val acresenta que Amilton tem uma ótima relação com o Diretório Estadual do Partido por causa da política séria que ele realiza na região.

O pré-candidato Valdenir Noronha (PSD) disse através de mensagens em um aplicativo de celular que iria conversar com a reportagem na última quinta-feira (5), mas não retornou o contato.

O Bahia Manchetes entrou em contato por telefone às 14h22 deste domingo com o vereador Renato de Martins que aparece no vídeo, para saber um pouco mais sobre a pré-candidatura de Noronha, mas o parlamentar informou que estava em “reunião”, porém,  iria “retornar o contato em outro momento”. A reportagem ligou para Chico de Anaide às 14h10, ele também aparece no vídeo ao lado de Noronha, mas às ligações não foram atendidas.