Morador critica fala de secretário sobre atraso na licitação da Quitéria e manda recado pra Jeferson: ‘O povo já acordou’

Segundo o morador, o secretário foi para rádio para "enganar o povo" e ressalta que o "povo não é besta".

Morador critica fala de secretário sobre atraso na litação da Quitéria e manda recado pra Jeferson: ‘O povo já acordou’ (Foto: Reprodução)

O processo de licitação para as obras de requalificação do bairro da Quitéria, em Madre de Deus, tiveram um atraso que foi alvo de críticas em um programa na rádio comunitária da cidade na quarta-feira (30) após o Secretário Municipal de Infraestrutura, Marcio Braga atribuir a causa da demora as empresas que participam do certame.

“Esse processo licitatório foi lançado em setembro, a gente esperava que tivesse um desfecho mais rápido, mas tivemos aí uma enxurrada, vamos dizer assim, de recursos entre as empresas participantes”, disse Braga.

Durante uma visita ao bairro no dia 31 de julho, o prefeito Jeferson Andrade garantiu para comunidade que o certame licitatário seria publicado no dia 16 de agosto.

Aurélio dos Santos que é morador da localidade, descreveu as declarações do secretário como”conversa fiada”, e que, eles deveriam ter “vergonha” ao falar na Quitéria.

“Vou te dizer Marcio, fique sabendo que os moradores da Quitéria não colocam mais sapato na janela esperando presente de Papai Noel não”, ironiza. Ele completa afirmando que todos secretários deveriam ter vergonha de ir na rádio “ficar enchendo linguiça”. “Fica falando: ‘que a Quitéria vai começar, vai começar’. Isso é conversa fiada rapaz”.

Ele questiona ainda como o prefeito Jeferson Andrade vai iniciar a obra durante a campanha eleitoral. “Ano que vem tem eleição, depois de maio não pode mais mexer em nada. Como é que ele vai mexer aqui em campanha política?”

Segundo ele, o secretário foi para rádio  “enganar o povo” e ressalta que o “povo não é besta”. Em seguida, o morador manda um recado para o chefe do Executivo: “Seu Jeferson, o senhor fique esperto, abra seu olho que o povo já acordou, viu. O povo não tá mais acreditando nas suas bobagens não rapaz”.