Marden rebate diretor da Madre FM: ‘Não fala da prefeitura porque tem contrato’

Declarações de Marden foram em resposta a Sérgio Aguiar que o alfinetou durante um programa na manhã de segunda-feira.

Marden rebate diretor da Madre FM: ‘Não fala da prefeitura porque tem contrato’ (Foto: Reprodução Facebook)

O presidente da Câmara de Madre de Deus, vereador Marden Lessa (PC do B) respondeu as declarações feitas pelo apresentador e diretor da emissora de rádio comunitária Madre FM, Sérgio Aguiar que o alfinetou  ao vivo durante um programa na manhã de segunda-feira  (17).

“Eu vou fazer um pergunta ao senhor. O senhor tem família também… Eu sei que o senhor tem família. Se fosse seu filho ou sua filha que gerasse um filho de nove meses e que três… Eu vou repetir pra você dizer lá em seu programa: Três assassinos! Porque se o senhor tiver achando que é mentira… Procure os plantonistas, as pessoas de Madre de Deus que trabalharam naquele plantão e que viram o assassinato! Mas sabe porque o senhor fala da Câmara? Porque o senhor não tem contrato com a Câmara, o senhor não fala do poder executivo porque o senhor tem contrato com a prefeitura. E quando o senhor para de bater nos programas que o senhor comanda é por conta que tem alguma fatura atrasada”, disse Marden na sessão de terça-feira (18).

As declarações de Marden foram em resposta ao apresentador que afirmou, sem citar o nome dele, que políticos disseram que tem família, mas chamou “três médicos de assassinos”.

“Eu vi algumas sessões lá atrás, alguns políticos falarem: que tem mãe, tem pai, tem filho, têm uma família. Em sessões seguintes, recentemente, políticos falando: ‘que no Hospital tinha três assassinos’. Aí eu pergunto, se a família desses três profissionais, sabem ou ouvem, que foram chamados seus entes queridos de assassinos?!”, disse o diretor da rádio.

O apresentador leu ainda a parábola “Carroça Vazia” que o prefeito Jeferson teria publicado após ser criticado pelo parlamentar.

O vereador confirmou que o texto foi direcionado a ele. A parábola retrata que quanto mais vazio é o individuo mais barulho faz.

“Sobre a postagem do prefeito, que ele postou da parábola e que o senhor colocou. Eu tenho ciência que o prefeito postou pra mim, por conta dos meus discursos que eu fiz aqui logo pela manhã. Mas uma coisa é o prefeito agir dando indireta, é da forma dele agir. Eu não, falo diretamente a ele: prefeito bota o povo  pra trabalhar que o hospital está abandonado! Eu que estou dizendo aqui, não tô mandando recado não, e não sou oposição ao governo. Hoje meu mandato é independente”, asseverou o presidente da Câmara.

Em seguida, ele completa justifica  ao apresentador da rádio que foi por isso que ele chamou “os três médicos de assassinos”.

Supermercado cunha